segunda-feira, 5 de agosto de 2013

Junkers 6820-5 Eurofighter Edition

junkers_6820-5_perspective_view_large[1]O mercado está cheio de cronógrafos – de maior ou menor qualidade, de estética conseguida ou duvidosa, de maior ou menor fiabilidade e precisão. Para a maioria dos consumidores, comprar um cronógrafo consiste em escolher um modelo bonito – ou de uma determinada marca – numa gama de preços. Mas para os pilotos de um dos caças mais sofisticados do mundo, o Eurofighter Typhoon, o cronógrafo deixa de ser um simples relógio para se transformar numa ferramenta de precisão. A SRI, representante em Portugal dos relógios alemães Junkers, acaba de lançar o Junkers 6820-5 Eurofighter Edition, o relógio escolhido pelos pilotos da esquadrilha Eurofighter, após a realização de testes exaustivos a diversos outros modelos. Este modelo, que ganhou também o prémio de Relógio do Ano, atribuído pela revista alemã de aviação FliegerRevue, é um cronógrafo mecânico automático produzido na Alemanha com base no movimento suíço ETA Valjoux 7750, com 25 rubis. A variação deste calibre usada pela Junkers inclui dia e data na posição das 3H00. A caixa, em aço aeronáutico de alta qualidade com revestimento DLC, tem 42 mm de diâmetro, bracelete em pele, vidro de safira e fundo em vidro para observação do movimento. O fundo do mostrador é creme, com marcações e numerais árabes em antracite. Os ponteiros das horas e minutos são brancos com contornos em preto. Um dos aspetos funcionais mais interessantes é o tipo de iluminação noturna usado: em vez do habitual revestimento luminescente dos ponteiros e índices, a Junkers optou por tornar luminescente todo o mostrador, usando o contraste dos ponteiros, índices e numerais do relógio, o que resulta numa legibilidade muito maior. Como todos os Junkers, também o 6820-5 Eurofighter Edition tem garantia vitalícia.
O preço, extremamente competitivo para um relógio baseado num movimento ETA Valjoux 7750, é de €1.450. Fonte: press release

Sem comentários :

Enviar um comentário